quinta-feira, 31 de março de 2011

Formula inversa ao rejuvenescimento, tem nome?

"-Olá, está tudo bem?
-Sim, e conSIgo?"

A forma simpática que um vizinho de 20 e poucos, tem de me cumprimentar!
Fiquei a sentir-me da idade da minha avó!!!
[hey, só tenho 30!!!]

Hoje sim, amanhã não, depois vá-se lá saber!

Sobre a reposição do PVP dos medicamentos!
Mas anda tudo doido?

Não + Pêlo, conhecem?

Outra das Constactações que fiz esta manhã, na dita fila interminável,
foi de que Portugal devia ter um Campeonato Nacional do Mato.
Isso mesmo.
A maioria dos Homens que vi, tinham Plantações de pêlo (ou direi cabelo?) nas orelhas!!!
É óptimo começar o dia, com uma visão destas!
Agora, desculpem-me mas vou só ali regurgitar o pequeno-almoço!

Varandas abertas? Devia ser crime punivel com pena de Prisão!

Esta manhã começou cedo!
Eram 7.30 já andava na rua!
Numa fila interminável, dei por mim a olhar à volta,e talvez pelo sono e pela vontade imensa de estar ali,
comecei a reparar no impensável!

Mas que pancada era essa , a de antigamente fecharem as varandas?
Nos imensos prédios há volta, por cada edificio existiam , no máximo 2/3 varandas abertas...
O resto fechado, umas com vidros todos bonitinhos, outras com estores do século passado!
Na época, era "bem" mandar fechar as varandas?!?
"Ai eu não tenho varandas... já as fechei! O quê, ainda tem?"
Ai credo, que crime este de ter um espaço,onde se possa ter umas plantinhas ao sol,ou
onde se possa por umas cadeiras e ler um bom livro!

A 80!

Ontem, no habitual percurso para casa, deu-me para a parvoice!
Como estava sozinha, liguei o Cruise Control para os 80 Kms, e pensei:
"Tenho de fazer esta estrada, toda ,sem tocar nos pedais!"
Este tipo de "brincadeiras parvas" eram um passatempo que costumava fazer,quando era miuda!
E lá ía eu bem contente, a ultrapassar os carros, sem mexer num único pedal!
Podia-me dar para pior!!!
Não se preocupem que não me dá muitas vezes!
E nem vale a pensa ligarem para as Patrulhas, porque o limite máximo na zona é de 90!

quarta-feira, 30 de março de 2011

A mania das Grandezas VS a cepa torta!

No meu grupo de Amigos, de adolescente, eramos uns 30, assim à vontadinha.
Por força das circunstâncias, fomo-nos afastando, dando o Grande grupo, lugar a pequenos grupos
que continuaram a relacionar-se.
Andamos a combinar um jantar para breve.
O curioso é constactar que a disponibilidade e os estilos de vida,
mudaram radicalmente, e não se consegue um consenso.
Nem no dia, nem nas horas, nem no local, nem nos convidados.
Lá porque uns fizeram mestrados, doutoramentos e afins, e os outros não passaram da cepa torta,
isso não significa que não tenham um passado em comum.
A maturidade não devia ser sinónimo de complexidade.
Se antigamente marcavamos jantares de um dia para o outro, hoje não é assim.
Se há uns anos já existiam incompatibilidades, agora são ódios de estimação.
O Status, os companheiros, os filhos... em vez de orgulho, são uma desculpa.
Uma justificação para não serem as pessoas que eram, as que eu conheci.
Renegar as raizes, as amizades, devia dar pena de prisão.
Somos aquilo que queremos.

A Luta continua!

Não com muita alegria, mas com muita persistência!
Deviam fazer programas destes ,mas com formatos para quem quer perder apenas
uns kilinhos, mas que precisa de:
Tonifica, tonificar, tonificar!!!

terça-feira, 29 de março de 2011

Jetleg Nacional

Sou só eu que sofro,pela primeira vez, de um Jet leg nacional,com  mudança de horário?
Ando toda trocada!!!

Da Amiga com "A" Grande...de Ana, de Amizade... de Amor!

Aos 8 anos tudo é cor-de-rosa.
Confiança é a palavra de ordem...
Esta é a idade das Amizades puras e genuínas.
Sem interesses, sem oportunismos...
Somos amigas porque sim,
porque gostamos das mesmas cores, das mesmas bonecas, dos mesmo jogos!
Somos Amigas porque fazemos parte do mesmo Grupo.
Porque tu tens um hamster, e eu tenho um cão.
Quando os vestidos deram lugar às calças rasgadas,
veio a maquilhagem timida, e as descobertas da adolescência...
O meu primeiro cigarro, no beach club da Praia da Salema, que depois de muita pesistência,
te convenci a dares-me , sob pretexto de ir "cravar" a outra pessoa.
Obrigaste-me a fumá-lo na casa-de-banho, em frente ao espelho, lembras-te?
Para que visse como se travava o fumo, mas acima de tudo para não tossir e fazer figuras tristes ,
em frente a terceiros!
Daí à primeira bebedeira foi um passo!
E, como sempre, foi contigo que partilhei todas as minhas primeiras vezes.
Os primeiros namoricos, as primeiras desilusões,
tudo vivido intensamente e à escala de quem vivia como tu.
De quem  não tinha medo de arriscar, de voar...
Que sorria com a mesma facilidade com que chorava!
É a primeira vez que não fico com olhos mar, ao escrever sobre ti.
A saudade continua a doer, mas a lembrança de ti, faz-me sorrir!
Sei, que onde quer que estejas, vais estar a fumar um Rothmans,
com uma caixa de Orbit azul no bolso, e a gozar, com tudo o que se passa cá em baixo!
Parabéns Ana!
Hoje seriam 33!
Um brinde a ti.

segunda-feira, 28 de março de 2011

Carta Aberta a Paulo Futre

Futre, [Paulo ou Paulinho (como carinhosamente, segundo dizes, te trata o Sr. Pinto da Costa)],

Não sei muito bem, em que caldeirão caíste,mas "tenho para mim" que o pó era branco.


Rédea Solta

105 minutos de Humor simples.
Light, sem grandes enredos.
Receita : Casamentos, homens e mulheres!
Até eu, que sou sempre daquelas songas-mongas que pouco se manifestam no cinema,
soltei umas valentes gargalhadas!

O Pingo Doce é Amigo!

Estes ,com gelado de baunilha, uma manta polar e um bom filme,
era tudo o que desejava agora!
Malditas segundas-feiras, maldita chuva,maldito PECe tudo e tudo e tudo!
(nunca mais é sexta!)

De amigas que não crescem!

"-Sofia, já reservei o insuflável para o Aniversário do miudo!
- Óptimo! Tem limite de peso?
...
...
-A sério, é que eu posso emagrecer até lá!"

Palavras de ordem para a semana:

quinta-feira, 17 de março de 2011

terça-feira, 15 de março de 2011

"O" Dia Não!

Não dormir bem.
Não comer.
Não apetecer trabalhar.
Não ter lavado o cabelo.
Não ver o País no bom caminho...

sábado, 12 de março de 2011

Hoje e sempre.

Mundo de surdos!

Há pessoas dificeis.
E há as outras, as muito difíceis.
Como é que se explica às "últimas" , constactações óbvias?
Estive mais de 30 minutos num monólogo a tentar explicar uma situação.
Finda a exposição dos argumentos, no decorrer da qual não obtive nenhum feedback,
a minha interlocutora responde-me:
"Sim, mas você não percebe, é que isto (o dito assunto) é o meu maior pesadelo!"
Ai sim?
Então e ser optimista e positiva?!?
E ouvir com atenção tudo-o-que-lhe-disse,e por em prática as recomendações que lhe dei,
 em vez de se lamentar?
São pessoas assim que nos sugam a energia...
Por muito que tente ser indiferente, consome-me...
E poucos minutos depois mais uma, "das últimas" entrava-me pela porta!
Há dias dificeis!!!
Venha de lá o sol, que amanhã vou trabalhar para ele!

Think (thanks) Goog (God)

Tolerância Vs Estupidez gratuíta

Quando era mais nova, tinha feelings...
Raramente estavam errados.
O tempo ensinou-me a dar-lhes ouvidos, e a ficar atenta!
Sempre fui um pouco impulsiva e cabeça-quente...
O tempo e a maternidade ensinaram-me uma palavra nova: Tolerância!
Raramente me engano em relação a uma pessoa, com base só numa primeira impressão.
Quando escrevi este post não podia estar mais certa!
Há de facto "amigos" e Amigos!
E eu, tenho de voltar a estar atenta ao que a minha vozinha ,cá dentro, me continua a dizer,
em vez de a mandar calar, e dar o benefício da dúvida.
Mas, aprender é viver!
E é com os nossos erros que aprendemos grandes lições de Vida.

sexta-feira, 11 de março de 2011

O carro do meu vizinho!

Quando comprei casa, escolhi a zona , antes mesmo de ver alguma casa.
Escolhi pelo sossego, pela proximidade da Praia, e fundamentalmente por ser uma zona pouco "povoada".
Apesar de todas as habitações terem garagem, toda a gente deixava os carros na rua,
e ainda assim, o espaço era mais que muito... lugares não faltavam!
Mas...Isso era há 3 anos e picos!
Agora, todas as casas foram vendidas, há 2/3 carros por casa, e sempre que chego é um martirio para estacionar!
Tive a brilhante ideia de fazer da garagem um quarto-de-brincadeiras para o meu filho, e agora:
Aguenta-te!
Mas, o que me faz mesmo mais espécie, é que todas as casas que faltavam vender,
eram de tipologias maiores, e consequentemente de valor muitoooooo elevado!
E a julgar pelos "carrinhos" que por lá andam:
A crise não é para todos!!!

quinta-feira, 10 de março de 2011

E não me venham com os produtos light!

Com o Verão à porta, chega a loucura das dietas!
Que segredos milagrosos conhecem para se ficar em forma?


Love it!

E o que eu gosto desta mulher?

Borboletas...

Há amizades e "amizades".
Apesar de serem definidas pelo mesmo conceito em teoria,
na prática não podiam ser mais antagónicas.
Prefiro as primeiras.
Não há um momento exacto para nascerem.
Não é num dia singular, nem numa hora precisa.
Algumas vão-se construindo,
noutras deixamo-nos levar pelo prazer de estar.
A Amizade é o avesso da Solidão.
Quem tem amigos, nunca está só,
mesmo que se esconda no seu casulo!
Mesmo que se voe em sentidos opostos,
existirá sempre um ponto de encontro.
Podemo-nos revestir da mais genuína seda,
que ainda assim seremos apenas borboletas em crisálida,
porque um dia é certo que vamos voar!

A todas as Borboletas da minha Vida,
às que ainda voam no meu Campo de visão,
e à que não vejo, mas sinto:
O meu Obrigada!

Bom dia!


terça-feira, 8 de março de 2011

FMI, FMI, FMI!

É sempre lúdico assistir ao Primeiro-Ministro do nosso País,
chamar Camaradas ,a Jovens Manifestantes!!!
Consequências do Festival da Canção?
We'll never now.
Estão agendadas várias manifestações da Geração À Rasca
[é que nem vou comentar tal designação!!!],
para o Próximo dia 12!

Feche a boca, Sr. Primeiro-Ministro- Engenheiro- [!] Socrates,
porque daí só entra mosca ou sai bedum!
Ou isso ou vá ali à bomba do Jumbo abastecer o seu carro, e fique na Fila 2h,
para poupar meia duzia de tostões!

Num dia particularmente Feminino, Um Hino à Amizade:

Carnaval

É que já nem me lembro de um Carnaval sem chuva!
Isto está bom é para um amigo meu,
que vive a esta hora o maior Carnaval do Mundo:
Rio de Janeiro!!!
Lá em vez de Galochas, é chinelo no pé!!!
Por aqui, alguém se mascarou?

Ás mulheres!

Feliz Dia!

segunda-feira, 7 de março de 2011

Smells Like Teen Spirit!

Kurt Cobain

15 anos.
Walkman  [o que é isso?] no bolso,
phones nos ouvidos.
Paredes do quarto forradas com Poster's.
Bodyboard, Praia, Amigos...
Memórias de uma adolescência...

O Luke é que sabe!


Ao contrário da Tina!!!
Ele há envelhecer e há o Luke Perry,
que me fazia sorrir, quando era menina!!!

Costureira ou Modista, o importante é ter uma!!!

Em Junho vou ser Madrinha de Casamento.
Eu e mais 6 meninas.
A Noiva tem 7 madrinhas e o noivo 7 padrinhos.
A Noiva, a minha A., comprou os tecidos,
para irmos todas de igual,
e agora cada uma manda fazer a seu gosto e onde quiser!
O problema que se coloca é: e agora?!?
Costureira?
Modelos tenho "n" na cabeça, mas quem os vai executar?
Que se acuse quem conhecer boa Costureira na zona de Lx, Margem Sul e arredores.

[se em 10 horas já tenho 14 seguidores, aí de vocês que amanhã não tenha aqui 14 comentários, com sugestões de modelos, contactos de costureiras e sapatos a fazer pendant!!!! ;)]



Da Mãe,

Durante anos foi a figura de mais austeridade [doce,mas segura!].
Era dela, que vinham maioritariamente as regras, os horários ,os deveres...
Como assumida menina do Papá, só na adolescência
reinou  o entendimento...
As conversas de mulheres, os Conselhos...
A Amiga, a Melhor Amiga.
A que está sempre presente.

Quando se pergunta às Crianças se gostam mais do Pai ou da Mãe,
é sabida que mediante a idade, a tendência vai ser para o mais permissivo.

Se em Criança, era para o Pai que corria, quando queria dormir mais tarde,
em Adolescente era à  Mãe que pedia para sair à noite...

Anos volvidos, e o Amor cimentou.
Um Amor que me enche o peito e me orgulha.
Que me faz sorrir, só de lembrar...
Um amor que vejo reflexo no meu Filho,
e nas brincadeiras que têm com ele.

Do Pai...

No Pai sempre tive o meu Porto-de-Abrigo.
Com a Mãe tinha de comer peixe, legumes e sopa,
e o Pai deixava comer porcarias.
A Mãe levava-me para dormir cedo,
e o Pai deixava-me ficar com ele na sala , a ver TV, a jogar às damas, ou a conversar.
Teria pouco mais de 5 anos, quando numa noite de insónia,
me levantei da cama com medo do escuro,
e pé ante pé cheguei à sala, onde assustada,
me deparei com o Pai a beber scotch e a ver um filme.
Em vez de me mandar dormir,
mandou-me sentar.
Levantou-se e foi à cozinha buscar-me um copo.
Nele, um pouco de leite, como se de um digestivo se tratasse.
Ficamos ali, não sei se minutos, se horas...
Na altura de ir dormir, pegou-me na mão e deitou-me.
Aconchegou os lençois e disse Boa Noite.

Pai, Mãe... se me estiverem a ler:

... Estes meninos morrerm por ir lá para casa!
E vão... oh se vão!
Um must-have deste Spring/Summer 2011.

Já me estou a ver a comemorar o Aniversário neste modelito!!!
Abram alas à carteira!!!

E que outros recomendam?

Dos livros de Sempre... para Sempre.
Já perdi a conta ao número de vezes que o li.
Se fosse para uma ilha deserta, levava este debaixo do braço!

"...não somos seres suspensos em bolas de sabão, que vagueiam felizes pelos ares; nas nossas vidas há um antes e um depois, e esse antes e esse depois são uma ratoeira para os nossos destinos, pousam-se sobre nós como uma rede se pousa sobre a presa.(...)
O destino possui todo o poder e o esforço da vontade não passa de um pretexto.(...)
...quando o caminho atrás de ti é mais comprido do que o que tens à tua frente, vês uma coisa que nunca tinhas visto antes: o caminho que percorreste não era a direito mas cheio de encruzilhadas, a cada passo havia uma seta que apontava para uma direcção diferente; dali partia um atalho, de acolá um carreiro cheio de ervas que se perdia nos bosques. Alguns desses desvios fizeste-os sem te aperceberes, outros nem sequer os viste; não sabes se os que não fizeste te levariam a um lugar melhor ou pior; não sabes, mas sentes pena. Podias fazer uma coisa e não fizeste, voltaste para trás em vez de seguir em frente.(...)
E quando à tua frente se abrirem muitas estradas e não souberes a que hás-de escolher, não te metas por uma ao acaso, senta-te e espera. Respira com a mesma profundidade confiante com que respiraste no dia em que vieste ao mundo, e sem deixares que nada te distraia, espera e volta a esperar. Fica quieta, em silêncio e ouve o teu coração. Quando ele te falar, levanta-te e vai para onde ele te levar."

"...a principal qualidade do amor é a força..."

Para noites frias...

Strudel de Maçã com Gelado de Baunilha!

Começada que está a minha Dieta, o meu saltar-de-corda e os meus tratamentos
de Senhorita, limitei-me a ver comer!
Juro, juro, juro...

[o pior são as Pipocas do Pingo Doce que se estão ali a rir, para mim!]

Ai Tina, Tina!

Ela diz que o tempo não passa por ela.
Eu?
Discordo.

Memórias de outros Carnavais!

O Carnaval já não é o que era!
Onde andam aqueles estalinhos, de que as velhotas fugiam a sete pés,
e que os malvados da "Segurança das Crianças" proibiram de vender?!?
Onde andam os ovos podres, atirados estrategicamente,
de um qualquer 7º andar, que para além de deixarem os peões imundos,
ainda lhes garantiam uma ou duas nódoas negras, pelo arremesso?!?
Isto assim não tem piada.
Os miudos nem água metem nos balões,
e rebentam-nos com ar, só pelo estrondo!
Yah, yah... Somos muita malucos...
Valha-nos , ao menos, o S. Pedro,
esse não falha!
É vê-lo feliz e contente a dar ares da sua graça, invariavelmente
todos os anos nesta noite!
Não levem os chapeus de chuva, não!
Eu é mais [bolos] filmes e mantas!


Da 2ª Circular...

"Mê Menino esforçou-se!"
... É como diz "alguém" que eu conheço:
" O 2º lugar é o 1º dos Derrotados!"
E, caros bailarinos,por muito que me custe a aceitar:
Este ano já era!

Desmistificando a História, na Versão Portuguesa!

Não sendo exactamente esta a frase (!),
muito se tem comercializado, falado e pensado sobre
esta nova (not quiet!) linha de imagens.
Para quem não sabe, aqui fica a explicação do "ballet":
Esta produção foi da responsabilidade do governo britânico,
em 1939, aquando da 2ª Grande Guerra Mundial.
Com a iminência de
invasões e ataques por parte do inimigo,
foi uma forma de elevar a moral dos Britânicos!

Esta é a minha sugestão para o Povo deste País à beira mar plantado!
Cai que nem uma luva!

Em tempos aureos era assim...

Eu vou!

Dias 24 e 25 de Junho!
[oh que maçada, que até estou de férias!]
A minha banda de Eleição: Natiruts, (amo, amo, amo!)
e como brinde Fat Freddy's Drop!

"Por vezes dás contigo desanimado..."

"Ah e tal, estou chocada, com a vitória dos Homens da Luta, no Festival da Canção!"

...
...
Silêncio.
...
Eu não.
E faz-me um pouco de comichão , ver a hipocrisia que para aí ainda!
Senão vejamos:
- A letra não podia ser mais adequada;
-Os representantes parecem escolhidos a dedo;
- Foi o Povo pá, quem votou, não vivemos numa democracia?!?

Considero uma verdadeira Lição de Moral para a nossa Sociedade,
a Canção é um espelho do país em que vivemos...

E, convenhamos... Festival da Canção?!? yeah, right!
Ide, Camaradas, ide e espalhai a palavra:
A Luta Continua!

De uma Infância feliz...

Recordo momentos ,em que não devia ter mais ,de 2/3 anos.
De acordar, sozinha numa cama, e brincar com peluches,
até que os meus pais me viessem buscar.
Ficava ali, sossegada, entretida, na expectativa de ouvir aquelas vozes,
de ver aqueles semblantes felizes...
Lembro-me que ao vê-los , o meu rosto iluminava-se.
Sentia-me segura, protegida e extremamente cuidada.
Talvez só não fosse o ponto alto do meu dia,
porque nestas idades, uma boa brincadeira e umas valentes gargalhadas,
levam-nos ao ceu...
Mas aqueles segundos faziam parte da minha rotina,
do meu porto-de-abrigo,
nos quais hoje e há distância de quase 3 décadas [damn!!!],
penso recorrentemente,
sempre que algo me perturba ou me entristece.

O início...

Podemos conhecer uma pessoa, sem saber quem ela é.
Dizem que aos 30 anos, fazemos um balanço da nossa História.
De todas as "coisas" que fui na Vida,
uma das mais ternas e saudosas foi ser Bailarina.
Talvez pela idade precoce com que comecei,
alimento no meu imaginário os sonhos de infância,
de tutu e sapatilhas...